top of page
Neuropsicologia

A Neuropsicologia é uma especialização da psicologia que estuda a relação entre o cérebro e o comportamento humano. Com base nos estudos do desenvolvimento cerebral das neurociências.

ÁREAS DO CÉREBRO ENVOLVIDAS NO COMPORTAMENTO HUMANO:

Córtex (lobos frontal e pré-frontal) – Sistema límbico e Hipotálamo.

• O lobo frontal do cérebro, localizada na testa, é o responsável ou a parte mais importante quando falamos em comportamento humano, uma das funções do lobo frontal é regular as ações dos indivíduos.

 

• Mais especificamente no córtex pré-frontal, região do cérebro envolvida no planejamento de um comportamento cognitivo complexo, na expressão da personalidade, na tomada de decisões e na moderação do comportamento social e emocional.

• O lobo frontal tem varias funções, o planejamento da fala, planejamento dos atos motores, responsável por todos os movimentos do corpo, controle de humor, dos impulsos e o gerenciamento de todas as situações que envolvam a relação entre a pessoa e o ambiente (Rotta e Organizadores 2016, p.24).

AS TRÊS PARTES FUNDAMENTAIS DO CÉREBRO HUMANO:

 

O sistema límbico, também conhecido como cérebro emocional, é um conjunto de estruturas localizado no cérebro, responsável pelas respostas emocionais, os comportamentos são respostas as emoções desencadeadas pelos meio externo e interno.

Para Relvas, o sistema límbico, tem a função de prover os indivíduos de emoções é denominado como a casa dos sentimentos.

É responsável pelo equilíbrio ou desequilíbrio emocional do ser humano.

 

O córtex tem três tarefas fundamentais:

1. Controle do movimento do corpo.

2. Percepção dos sentidos e pensamentos.

3. Promotor da racionalidade humana.

 

O hipotálamo controla as funções de sobrevivência, onde estão o centro da fome, sede, saciedade e impulso sexual, o que podemos chamar de o cérebro reptiliano.

COMPREEDENDO A RELAÇÃO DO COMPORTAMENTO HUMANO COM O SISTEMA LÍMBICO E AS EMOÇÕES:

 

O QUE SÃO EMOÇÕES?

 

Conjuntos de reações químicas e neurais que ocorrem no cérebro emocional, e que usa o corpo como teatro ocasionando, inclusive alterações viscerais que afetam os órgãos internos, de acordo com sua intensidade.

 

As decisões humanas são atitudes tomadas em nome da razão e também das emoções, logo podemos dizer que existem comportamentos muito mais baseados na emoção do que na razão e outros comportamentos mais embasado na emoção. Os equilíbrios dos comportamentos e das decisões dos seres humanos estão entre o cérebro da razão e o cérebro da emoção.

bottom of page